Category Archives: melhores djs

Lighting Week Brasil

 

djfestasp17.9

A Lighting Week Brasil – Feira Internacional de Iluminação Profissional é realizada na segunda quinzena de setembro, em São Paulo.

Recebe importantes marcas, além de engenheiros, arquitetos, lighting designers, projetistas, técnicos, produtores e empresários de todo o mundo.

Promovido pela Associação Brasileira de Iluminação Profissional – ABRIP e Francal Feiras, o evento conta com uma área de exposições totalmente focada no que há de mais moderno em soluções para iluminação arquitetural e de espaços urbanos, eventos, espetáculos, broadcast, fotografia, cenografia e decoração ambiental.

Entre os equipamentos, palcos, estruturas, moving lights, lasers, fibras e tubos ópticos, projetores, lâmpadas, canhões, refletores e painéis com tecnologia LED, bem como sistemas de conexão, programação e controle por consoles ou Wi-Fi. O evento oferece ainda, um ciclo de palestras e workshops ministrados por renomados profissionais do mercado.

Advertisements

EXPOMUSIC – FEIRA INTERNACIONAL DA MÚSICA

Imagem

 

A maior Feira de Música da América Latina.

Uma feira esperada por milhares de profissionais para a grande realização de
negócios do ano e desejada pelo grande público visitante.

Contempla novidades em instrumentos musicais e os últimos lançamentos do mercado mundial.

Ampla programação musical e contato entre público e artistas admirados.

Oportunidade para jovens talentos e novas bandas tocarem e darem impulso à suas carreiras. 

5 dias respirando, testando, reciclando, falando e vivendo música.

Isto é Expomusic.

 

PIONEER LANÇA NOVO APARELHO XDJ-R1

 

 

PIONEER- djfestasp

Como de costume, Pioneer está inovando mais uma vez. Agora, a marca lançou o XDJ-R1, um sistema wireless que vai facilitar em muito a vida dos DJs e produtores da música eletrônica.

Com a novidade, os usuários podem utilizar CD’s e USB, bem como os controladores midi comuns, ao fazer uso da conectividade wireless para o aplicativo Remotebox, que existe disponível para iPad, iPhone e iPod Touch.

Com essa função, é possível manipular efeitos, carregar músicas nos decks e ativar a função “Auto Beat Loop” que permite a sincronização dos loops de acordo com o tempo que em que se está. Essas são apenas algumas das possibilidades, sendo que todas podem ser executadas somente com o uso do Remotebox.

Quanto ao visual, o XDJ-R1 tem um modelo padrão, com o seu mixer contando com uma entrada extra de equipamentos, como CDJ’s e pickup’s, além de ter a função de mixer independente. Já os decks oferecem várias funções além dos controles normais. Na zona inferior está o “Hot Cues” com controle de três pontos e a função “4 Beat Sampler” que possibilita a reprodução de samples de modo intuitivo gravados por meio de um CD ou USB.

Enquanto isso, na parte superior, o usuário depare-se com os “Beat Fx”, com os efeitos, Trans, Flanger, Echo e Roll. O aparelho tem, ainda, o controle de Dry/Wet e de batidas e mais o “Sound Color Fx” que possui quatro efeitos, sendo eles Filter, Crush, Pitch e Noise.

Outras características são afinidade com os formatos MP3, AAC, WAV, AIFF, dois canais, Wireless IEE 802.11b/g (2.4GHZ), frequência de 44.1Khz e peso de 6,8 kg. O novo lançamento de uma das marcas mais reconhecidas quando se trata de e-music conta também com duas entradas Phono/Line (RCA), um microfone (1/4) e mais um auxiliar (RCA).

Quanto às saídas do XDJ-R1 são duas masters (RCA e XLR), dois headphones (1/4 e Mini Jack) e umBooth (RCA). As dimensões do aparelho são 62,3cm x 30,84cm x 10,77cm. Todas essas características do lançamento permitem aos profissionais das picapes efetuar misturas instantâneas a partir de fontes múltiplas.

Além disso, o software que vem equipado no sistema permite aos utilizadores do aparelho analisar e carregar as faixas de música via USB, utilizando funções avançadas e inovadoras, como o Beat Sync e o Quantized Beat FX. Também podem optar pela entrada MIDI e controlar, por exemplo, o VirtualDJ LE.

 

 

VOCABULÁRIO DA MÚSICA ELETRÔNICA – PARTE 2

Dando continuidade ao artigo anterior, confira mais alguns termos mais usados pelos profissionais e amantes da música eletrônica, seguem mais algumas gírias que vivem a solta entre os profissionais e apreciadores da e-music.

 

– Chart – é a lista de músicas mais tocadas pelas rádios ou mais vendidas nas lojas. Cada revista costuma ter o seu próprio chart, porém, existem algumas listas que são referência, ou seja, as oficiais, entre elas, estão a billboard (EUA) e da BBC (Inglaterra).

– Chill-out – continuação da balada afterhours, normalmente é quando a festa se estende pela tarde.

– Cuts – versões feitas especialmente para tornar uma música mais atraente para tocar no rádio, em geral realizadas em estúdios especializados.

– DJ – abreviação do termo Disc Jockey, que é quem toca as músicas na balada, fica fazendo mixer e está sempre com fones de ouvidos, ou seja, é o profissional da música eletrônica.

– Dj sambou – expressão usada quando o DJ prepara uma virada entre duas músicas e não encaixa adequadamente os

beats

das duas, ouve-se nitidamente duas batidas descompassadas e desencontradas.

 

– Djing – a ação ou conjunto de técnicas que o DJ domina, entre elas, algumas são mixar, remixar, scratch, back-spin, back-to-back, etc.

– Laptop DJ – DJs que “tocam” com computadores com softwares que simulam mixer, misturando arquivos mp3 ou wav. A técnica a cada dia está substituindo mais a tradicional forma de comandar as picapes.

– LJ (Light Jockey) – ou DJ da luz. Muito mais que um iluminador de pista, o LJ entende a luz como forma de gerar novas sensações na pista de dança.

– Line-up – escalação dos DJs que tocarão em um evento, seja festival, festa ou outro momento.

– Live Act (ou livepa) – é a performance, a apresentação ao vivo do DJ.

– Pick-up – toca-discos, também chamado de picape.

– Pitch – recurso (botão) para acelerar/desacelerar a velocidade da execução da música.

– Sets mixados – sequência gravada de música com mixagem do DJ, efetuando as viradas, normalmente em torno de 50 minutos, para apresentar o trabalho do DJ.

– VJ (Video Jockey) – mixador de imagens em tempo real, ao fazer uso de banco de dados de imagens sampleadas de filmes, clips, fotos ou mesmo de imagens próprias e/ou ao vivo. Ele mistura essas imagens durante a exibição em telão ou monitores, para conectar a visualidade com o trabalho do DJ.

– Virada – quando o DJ troca de músicas acertando perfeitamente os beats (batidas) que estão tocando com a música que está entrando. Para ser bem feito deve ser imperceptível.

VOCABULÁRIO DA MÚSICA ELETRÔNICA

djfestasp

Para quem ainda não domina o vocabulário, ou para quem está em dúvida quanto a um termo, nada como uma aula com as principais gírias da e-music. Até porque não dá para ficar pra trás. Portanto, confira a seguir o significado de algumas das palavras mais faladas entre DJs, público e profissionais da música eletrônica nacional e gringa:

– Acid Jazz – entre tantos subgêneros da música eletrônica, esse é um estilo que usa instrumentos acústicos e elétricos que faz uso principalmente de outros gêneros, como o Breakbeat e o Funk para as suas composições. Esse subgênero é anterior ao Acid House, no entanto, ficou conhecido quando o primeiro estouro e o Acid Jazz acabou mudando de nome – antes era denominado Jazz dance ou Rare Grooves. Entre seus expoentes, alguns nomes em destaque são Miles Davis, Winton Marsalis, Guru, US3 e Herp Albert, entre outros.

– After hours – é a balada que inicia no final da madrugada ou ao amanhecer e se estende pelo restante do dia, geralmente, é a continuação de uma festa que iniciou no dia anterior.

– Back spin – técnica utilizada pelo DJ quando ele volta rapidamente o disco, ou seja, quando o DJ puxa o disco para trás com um só empurrão.

– Back toback – é a repetição de um trecho da música, feita a partir de duas cópias do mesmo disco. Para tanto, o DJ brinca com a divisão dos compassos, cortando e abrindo o som de uma pick-up para a outra. Também existe back to back com dois DJs, que se revezam no toca discos.

– BPM – sigla fechada de “batidas por minuto”, isto significa a quantidade de batidas de marcação do ritmo por minuto, referindo-se ao andamento de uma música. Além disso, cada subgênero da música eletrônica se define dentro de uma faixa de BPM, para estipular a velocidade do ritmo.

– Beat – é o mesmo que “batida”, a união do bumbo e caixa (pedal), em outras palavras, a base do ritmo.

– Bootlegs – são as gravações de áudio ou vídeo do trabalho de um artista ou banda remixados por um DJ, que muda o BPM e arranjos da música. Geralmente os Bootlegs usam a base de uma música e o vocal e arranjos de outra

Festa Junina da Véia

 

 

No dia 29 de junho acontece mais uma edição da Festa Junina dedicada à música eletrônica no Clube Atlético Juventus.

 

Entre as atrações deste ano estão os DJs Badinha, Marcos Freitas, Vadão, Andy, Akeen e Celsinho Double C, além da presença da

 

cantora Alexia, conhecida mundialmente pelos hits “Uh La La La”, “Number One”, “The Summer Is Crazy” e “Me & You”.  

Revista “Forbes” afirma que Tiësto é o DJ mais bem pago do mundo

Tiesto djsp

Apesar de ser o artista mais bem pago da França em 2011, o DJ David Guetta, um dos mais famosos da atualidade, ficou longe do primeiro lugar do ranking apresentado pela revista “Forbes” sobre os profissionais da música eletrônica com maior cachê.

Segundo a publicação, o DJ Tiësto é o mais bem pago do mundo, tendo arrecadado US$22 milhões só no último ano. Em segundo lugar aparece Skrillex, considerado uma das maiores revelações do cenário em 2011, que embolsou US$ 15 milhões.

O grupo Swedish House Mafia, que recentemente anunciou a próxima turnê como a última da carreira, ficou na terceira posição da lista com US$14 milhões recebidos nos últimos 12 meses. Apenas na quarta posição aparece o badalado francês David Guetta, com US$ 13,5 milhões. Ainda figuram no top 10 Deadmou5, Afrojack e Avicci.

Skol Sensation Innerspace

skol sensation dj sp

Quem vai de metrô pode dar um upgrade no ingresso para a festa
Como já falamos antes, o skol sensation innerspace realizará um warm-up na noite da festa. No dia 15 de junho, das 20 à 0h, quatro djs comandarão o som em quatro estações de metrô de são paulo.

Temos mais uma surpresa para essa ação inovadora. Na estação tietê, destino final de quem for para o festival usando o transporte público, será instalado o up pass – uma passagem exclusiva do skol sensation. Todo mundo que apresentar seu convite no up pass terá a chance de subir um nível do ingresso que comprou, com direito a um acompanhante.

Para isso, basta que, além da animação, a sorte esteja contigo. Todos os usuários do metrô que forem ao evento terão essa oportunidade. Caso a sirene toque para você que tem um ingresso pista, você e mais um acompanhante trocarão os seus convites para ter acesso ao camarote premium. Se o seu ingresso já for premium, os mesmos serão convertidos para platinum.

Além da tietê, os warm-ups no metrô acontecerão nas estações paraíso, consolação e vila madalena. Esse é mais um bom motivo para deixar o carro em casa e ir ao skol sensation de metrô. A diversão está garantida no warm-up em quatro estações e, se a sirene tocar quando passar pelo up pass na estação tietê, prepare-se para curtir o skol sensation de uma maneira ainda mais top. Boa sorte!

Jesus Luz cobra R$ 45 mil para tocar como DJ e exige champanhe

Dj Jesus Luz - Djfestasp

Todo mundo sabe que Jesus Luz, além de ator, também trabalha como DJ nas horas vagas. Fazendo sucesso na pele de Ronaldo, em “Guerra dos Sexos”, o ator está cobrando o valor de R$ 45 mil para tocar em eventos. As informações são da coluna “Retratos da Vida”, do jornal carioca “Extra” desta sexta-feira (19).

Além da bagatela, Jesus sempre está na companhia de duas pessoas e faz uma exigência: champanhe a noite toda. Na novela das sete, que já está na reta final, o ator e DJ faz par romântico com a personagem de Antonia Morais. Recentemente, o colunista Leo Dias, do jornal carioca “O Dia”, publicou que os dois estão namorando na vida real. Eles foram vistos juntos na festa de 55 anos de Edson Celulari, ex-marido de Claudia Raia.

Na trama, o casal Ronaldo (Jesus Luz) e Isadora (Antonia Morais) começou em pé de guerra, mas logo se rendeu à paixão. Jesus confessa que torce pelo romance dos personagens. “Quero que ele seja feliz e, se ele realmente está apaixonado pela Isadora, quero que ele fique com ela”, disse em entrevista ao site oficial da novela.

Em turnê no País, DJ Hardwell diz: ‘Brasil sabe fazer festa’

Dj_para_festas

O DJ holandês Hardwell, considerado o sexto melhor do mundo no ranking oficial da revista DJ Mag recomendado por Dj Festa SP, desembarcou na última quinta-feira (21) no Recife para duas apresentações – parte de sua turnê pela América do Sul.

Hardwell fez questão de chegar bem antes das apresentações para ter a chance de curtir as praias e um pouco mais das atrações locais. Hoje, pela manhã, o DJ e produtor musical de 25 anos publicou uma foto da praia vista de sua janela.

Empolgado com a primeira apresentação na noite de quinta, Hardwell agradeceu ao público e disse que mal pode esperar para tocar mais uma vez para os brasileiros.

”Muito obrigada de novo, Recife!”, escreveu em seu Twitter. ”Muito bom estar de volta ao Brasil. Mal posso esperar para tocar hoje à noite! O Brasil sabe como fazer uma festa”.

Destaque em todo o mundo, Hardwell esteve no Brasil em outubro do ano passado. Atração principal dos grandes festivais de música eletrônica – entre eles o Tomorrowland, Ultra Music Festival e Sensation Amsterdam -, o holandês fez nome na cena eletrônica com o remix dos hits de Steve Angello e Laidback Luke, em 2009.

Antes do Brasil, Hardwell se apresentou na Argentina. A turnê segue para Santiago, no Chile.